VOCÊ NO SEU MELHOR – Psicologia Positiva

Como é incrível a nossa capacidade de se descobrir e atingir grandes resultados. O ser humano, definitivamente, não consegue aproveitar a suas forças na voltagem máxima. Eles mesmo, com o passar dos anos, passam a se limitar cada vez mais e assim assumem um processo de autossabotagem que, por vezes, é totalmente impossível de se explicar.

A Psicologia Positiva encoraja as pessoas a realizarem seus potenciais e a serem o melhor possível. No entanto, faço uma pergunta para você: O que significa ser o seu melhor?

As pessoas estabelecem diferentes padrões na hora de se avaliarem para controlar comportamentos e motivar ações que nos permitem desenvolver habilidades e capacidades. Esta constatação é estabelecida por Tory Higgins, professor de psicologia de Stanley Schachter, professor de negócios e diretor do centro de ciência de motivação na Universidade de Columbia. Para ele, este tipo de comportamento regulador tem como objetivo o nosso melhoramento, porém quando não conseguimos medir adequadamente nossos padrões internos e, não conseguimos alcançar as metas que estabelecemos, nosso bem-estar emocional sofre as consequências.

É preciso que se entenda que para sermos o nosso melhor, a ideia do “melhor eu” precisa ser desvencilhada da ideia do “eu ideal”. Sair do foco de alcançar algo que eu chamo de divindade e passar a ser aquilo que você realmente é, assumindo seus erros, melhorando seus defeitos e sendo capaz de se superar a cada dia, afinal o seu maior adversário será sempre você mesmo!

Todo processo de autoconhecimento requer uma certa parcela de sacrifício. Poder entender e conhecer o “melhor eu”, exige uma grande habilidade. Saber superar a tendência de estabelecer altos padrões internos e externos só será possível após você ter a verdadeira noção daquilo que representa, ou seja, o verdadeiro conhecimento de suas forças, valores, propósito e missão.

A primeira turma do Programa Florescer (Programa de Desenvolvimento Pessoal realizado no Colégio Degrau durante este ano de 2018), passou por este processo de forma plena e tranquila e hoje, constatamos por seus depoimentos, que o aprendizado é a própria evolução para aqueles que desejam uma vida de felicidade.

Um passo importante, e eles sabem disso, é também saborear a vida! Estar conscientes de nossas experiências positivas tanto no presente, no passado como no futuro. Uma pessoa pode se sentir bem ao antecipar uma experiência futura, ao se lembrar de bons momentos no passado e ao vivenciar instantes de felicidade no presente, isso dá um excelente resultado!

O segredo é entender que para sermos o nosso melhor, precisamos aprender também a apreciar cada um desses momentos. Estabelecer parâmetros que nós mesmos construímos e entender a importância de cada um deles. A vida plena só é conquistada quando conseguimos vivenciar nossas emoções positivas de forma intensa, nossas forças com um conhecimento excepcional, elevando tudo a algo infinitamente maior e, finalmente, estabelecendo o verdadeiro significado.

Sim, isso é perfeitamente e extraordinariamente possível!

Add A Comment